Prescriptive Method for Residential Cold Formed Steel Framing
Sorry, we couldn't find any images attached to this page.
MP001.jpg

Curiosamente, nos Estados Unidos, um dos primeiros países a incorporar o LSF na legislação para a construção civil, a figura do engenheiro civil é raramente usada na construção de moradias residenciais. Isto acontece porque qualquer cliente pode contratar um construtor que apenas se limita a seguir tabelas previamente estabelecidas e, desde que não exceda os limites impostos na legislação, não necessita dos serviços de um engenheiro.

Chamam a isto Método Prescritivo, com tabelas estabelecidas para todos os pontos da casa, tal como as larguras das janelas e portas, vãos livres de pisos em salas e coberturas, entre outras. Visto que este tipo de legislação tem aplicabilidade em todo território norte-americano, as tabelas definem a quantidade, secção e espessura dos perfis a aplicar na estrutura básica, contemplando todo o tipo de rugosidade do terreno, zonas sísmicas e exposição ao vento.

MP026.jpg

Por séculos, os construtores nos Estados Unidos fizeram da madeira o seu material de eleição devido ao bom desempenho estrutural, suprimento abundante e preço acessível. No entanto, o aumento e a imprevisível flutuação dos preços sentida no final do século XX, bem como as preocupações relacionadas com a qualidade, resultaram na procura de alternativas. O uso do aço enformado a frio no mercado residencial dos Estados Unidos aumentou significativamente nos últimos anos. A estabilidade dos preços, a qualidade consistente, a similaridade com os métodos construtivos usados nas populares estruturas em madeira (wood framing) e a resistência ao fogo, ao apodrecimento e às térmitas, atraiu a atenção de muitos construtores e projectistas. As tabelas existentes apenas contemplavam o wood framing e, assim, a falta de regulamentos construtivos impediu que o aço ganhasse uma aceitação mais ampla entre construtores e ténicos norte americanos.

MP022.jpg

A publicação do "Prescriptive Method for Residential Cold-Formed Steel Framing" (Método Prescritivo para as Estruturas em Aço Enformado a Frio para Edifícios Residenciais), em 1996, foi o resultado de um programa de pesquisa e desenvolvimento levado a cabo durante 4 anos pelo HUD - U.S. Department of Housing and Urban Development (Departamento dos Estados Unidos para a Habitação e Desenvolvimento Urbano) em associação com NAHB - National Association of Home Builders (Associação Nacional de Costrutores Residenciais) e o AISI - American Iron and Steel Institute (Instituto Americano do Ferro e do Aço). O programa foi conduzido pelo Centro de Pesquisa da NAHB com o apoio e aconselhamento de comissões de engenheiros. Estas comissões representaram os interesses e a experiência de produtores e transformadores de aço, técnicos oficiais, académicos, pesquisadores, engenheiros civis e construtores experientes em LSF.

Ao facilitar a construção de edifícios com estrutura em aço, este documento junto com o acompanhante "Commentary on the Prescriptive Method for Residential Cold-Formed Steel Framing" (Comentário ao Método Prescritivo para as Estruturas em Aço Enformado a Frio para Edifícios Residenciais), aumentou a acessibilidade à habitação através da competitividade dos novos processos e materiais. Também facultou aos fornecedores e construtores de LSF a padronização dos regulamentos construtivos, o que favoreceu a aceitação do mercado e promoveu a aplicação de processos normalizados nesta indústria. Finalmente, este documento forneceu aos técnicos fiscalizadores a orientação necessária para o desempenho das suas funções quando os perfis de aço galvanizado são aplicados.

Publicidade Google


Copyright © 2003-2016 FUTURENG. Todos os direitos reservados. A utilização deste site pressupõe a aceitação dos presentes termos e condições. Se não estiver de acordo com eles, não utilize este site.